quinta-feira, 4 de junho de 2009

Quero sugestões para voar tranquila!

Meu post de hoje é da série "Galera, o que eu faço?"
De tanto ouvir falar do acidente da Air France e das especulações em torno, comecei a ficar tensa, pois teremos que pegar um avião (aliás, dois) semana que vem. O que vocês me aconselham a fazer para ficar tranquilinha e feliz dentro dessa geringonça voadora? Geralmente o que faço é rezar muuuuito e viajar com os pés encostados em algum espacinho disponível debaixo da poltrona da frente. Quase nunca fico sentada com os pés diretamente no chão do avião.Assim, em caso de turbulências, sejam leves ou fortes, eu sinto menos o tranco. E sempre que possível, reservo a poltrona ao lado da janela, por incrível que pareça. Sou uma medrosa esquisita: preciso visceralmente da janela para me distrair vendo a paisagem. Além disso, procuro pensar bastante que o avião é o meio de transporte mais seguro que existe e no número de aeronaves que todos os dias decola e aterrissa mundo afora.

O que mais vocês me sugerem?


9 comentários:

Lòiza disse...

Sil...
1- O avião é o meio de transporte mais seguro que existe.
2- Uma vez na vida acontece algo tragico.

Entao.. relaxa.
Sugestao: Toma um pilequinho.
Hihihihihihi... na boa.. Funciona.

Beijo.
Lòiza.

Clébio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Clébio disse...

Sil, como você mesmo disse avião é um meio seguro de viajar (morre mais gente de gripe - a comum - do que em acidentes aéreos no mundo) porque além da preocupação excessiva com segurança que há no meio o avião é um veículo menos sujeito a eventos externos (pense por exemplo quantas vezes as pessoas "quase" batem o carro? Pois é).

Quer outro conselho? Durma se copnseguir. Ninguém fica procupado no meio do sono.

Abraços.

Fabiana disse...

Minha mãe costuma tomar dramim... risos... Ela fica dopada.... Mas de fato, não há como negar q avião ainda é o meio mais seguro de transporte, apesar de tantas eventualidades........ POr isso faça como a Marta Suplicy: "Relaxa e goza!"... :-P

Flávia disse...

Sil, abri a janelinha do comentário para dizer exatamente o que Fabiana disse, citando a Marta Suplicy: "Relaxa e goza!" hehehhhe
Olha, se não conseguir dormir (melhor solução pra ficar relax), acho que vale assistir um dos filminhos que eles estiverem passando no avião. Lembro que assisti aquele "O diabo veste Prada" na última vez em que viajei sozinha. Ajudou a passar o tempo -afinal, eram 11h de viagem! Quando viajo com o maridão, acho mais gostoso dormir no ombro dele! hehehe

Anônimo disse...

Sil
Tenho pavor de avião . Uso de enormes estratégias para fugir do bicho . Não deu para escapar dele rumo ao Marrocos ...o ônibus dificilmente atravessaria o mar e Moisés andava ocupado.Continuo fugindo ,mas em caso extremo , rezo muito e tenho um acordo com Deus :
subiu comigo , desce comigo , são e salvo .39 beijos , boa viagem.

jica disse...

o anonimo é Jica

*Ju* disse...

Olha... eu particularmente, gosto de viajar de avião e se fosse possível escolher, eu optaria por morrer em um acidente aéreo. Vamos às razões. É algo rápido.E prático. Mas antes lembrarei de pôr a identidade na boca, hehee...É melhor falecer assim do que ser atropelada por um caminhão ou em batida em estrada, onde se colocam meras cruzinhas. Não tem glamour. De avião, você pode mandar um helicóptero jogar flores sobrevoando o local. Lindo, não? E sua morte é noticiada no mundo inteiro, todos ficarão sabendo. E se o corpo se perder, melhor ainda... dispensa momentos ruins como enterro e velório. Eu queria assim... Morrer numa cama de hospital deve ser deveras mórbido.

Andréa M Nunes disse...

Eu sei, vc já está viajando, mas acredito q ainda pegará avião para voltar rsrs. Olha eu era tranquila em avião, até adorava qdo tinha turbulência (adoro brincadeiras radicais uhuh) mas ultimamente andei desenvolvendo uns transtornos... Para se distrair nada melhor do que um bom livro de contos, por exemplo, que é leve, não exige muita concentração e até pode ser engraçado (Que tal Luis Fernando Verissimo?). Já q vc vai voltar, procure um livro de um autor q vc ainda não conhece mas q parece ser interessante por aí. Daí vc reserva para conhecer durante a viagem de volta =D. Mp3 com músicas novas, que vc conheceu durante a viagem, pode provocar ótimas sensações! E se a viagem for muito longa (não sei qual é o tempo), ainda tem o tal do dramim, que a mãe da Fabiana toma. Eu nunca tomei, mas meu sobrinho sempre q toma dorme antes da decolagem rsrs. Espero q sejam uteis.
Um abraço e ótima vigem!