sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

O poder de compressão dos gatos

Hoje faz uma semana que uma de nossas gatas, a Pantera, sumiu. Agradeço a preocupação expressa, via Orkut, de amigas espalhadas pelo Brasil afora com seu desaparecimento (que gata chique esta!). Ainda bem que, enquanto imaginávamos a pobrezinha perdida na rua, com fome, com frio e molhada, ela, na verdade, nunca havia saído do lugar o qual a deixamos dias atrás: o apartamento de nossa sobrinha Nicole. Como o "apê" dela foi arrombado, pensávamos que a bichinha havia fugido de susto...

Pantera, assim como a maioria dos gatos, é muito hábil para se esconder quando se sente ameaçada ou com medo. Algumas vezes nós a "perdemos" no próprio apartamento onde morávamos, por incrível que pareça. Numa dessas, passamos uns três dias sem vê-la. Chegamos a pensar que havia caído pela janela da área de serviço. Cheguei a procurá-la pela quadra e nada. Lá pelo terceiro dia, escutamos uns barulhos misteriosos vindos da cozinha. O som vinha de dentro de um dos armários. Parecia que alguém tentava esmurrar a porta de madeira. Quando abrimos o armário, surpresaaaa: a gata estava enfiada numa gaveta que pouco abríamos (!!!!). Mês passado, ela fez coisa parecida. Humberto foi abrir a gaveta para pegar algo e vê primeiro dois bracinhos negros peludos esticados...puxando o resto daquele pequeno recinto, encontra aquela cara de "quem foi o infeliz que acendeu a luz!?".
Fico admirada com o poder de compressão dos gatos. Pantera deve estar com, aproximadamente, uns seis quilos. Mas consegue se espremer em qualquer lugar. Ela me faz lembrar a velha "geleca" de minha infância, que a gente moldava como queria...só que esta geleca gorducha é especial: tem pelos, reclama quando falta comida e água e insiste em residir em meu colo quando estou vendo televisão...

4 comentários:

Luana disse...

Mas que gatinha sapeca é essa hein? Também com dois donos para mimá-la tanto assim a história não poderia ser diferente, mas as vezes vcs acabam esquecendo da coitadinha... Porém eu entendo que este esquecimento é para dar saudade! Rsrsrsrs porque na realidade nem ela consegue viver sem vcs e nem vcs sem ela!
Beijos.

PATERNITAS disse...

Que bom que a Bichana apareceu. Podia filmar essas coisas e ver se não dava uma videocassetada....

Stella disse...

Sil, que bom que ela reapareceu. Eu estava tão preocupada! Ela é como a minha Nina, se esconde em qualquer lugar e nos deixa feito bobos procurando. Bjs pra Pantera!

*Ju* disse...

Gosto de quem gosta de gatos...