terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Uma panela de pressão não faz milagres...

Outro dia morri de rir...alguém colocou a frase "comprei panela de pressão para ver se cozinho melhor" no Google e veio parar no Esquina da Sil, no célebre post sobre minha velha panela de pressão, um dos recordes em comentários por aqui, tanto em número como em risos. Resolvi fazer uma reflexão então a partir de uma das diversas possíveis interpretações sobre a afirmação acima.

Fiquei pensando se essa compra da panela vai provocar milagres em sua cozinha...será? Cá entre nós, acho meio difícil. Uma panela nova pode ajudar em algo, mas não é o mais importante. Pelo menos eu acho isso. Acredito que pelo menos três coisas são essenciais para quem quer cozinhar: a prática, a observação e o gosto pela coisa. Anos atrás, eu não gostava de mexer com isso. Agora, passei a gostar, apesar da preguiça que fica me rondando às vezes. Chego até a curtir programas de culinária na TV a Cabo.

Acredito que passei a gostar por um simples motivo: em casa faço a comida do jeito que gosto, utilizando os ingredientes e temperos que prefiro. Além disso, nos restaurantes e lanchonetes por aí, sabe-se lá se a comida realmente foi preparada dentro dos padrões de higiene...a gente nunca tem certeza. Sem contar que, em muitos lugares, os cozinheiros abusam da gordura e/ou óleo, colocando esse ingrediente até mesmo onde não precisa. Isso fora aqueles que acreditam piamente que todos os brasileiros amam coisas como catupiry e requeijão, os quais abomino, e os metem sem dó nem piedade nas comidas (com licença, quero ter o direito de escolha!). Se anos atrás eu raramente gostava de minha comida, agora, muitas vezes, prefiro a minha do que a de fora, com poucas exceções. A sorte que Humberto também adora as coisas que faço. Porém, um de meus desafios é tentar cozinhar para os amigos.
Um dia, um amigo resolveu fazer um jantar indiano. Achei sua comida gostosa e meu paladar a classificou como " de sabor suave, mas muito boa". Enquanto isso, uma amiga comentou que estava se sentindo "um dragão" porque achou os temperos muito fortes...Uma das coisas que, para mim, é das mais difíceis na culinária é esse meio-termo, já que os paladares são extremamente diversificados e a sensibilidade aos condimentos também...
Crédito da foto: eu mesma.

5 comentários:

*Ju* disse...

É porque tem uma música que diz "Comprei uma panela de pressão pra ver se eu cozinho mais depressa, sou solteiro e não tenho compromisso, se eu lavo ou se eu cozinho ninguém tem nada com isso..."
Gente, é a música, viu, não sou eu que to falando nada...

jica disse...

Sim , uma panela de pressão não faz milagres , nem requeijão nem
catupiry que , tb. abomino mas os caras entendem que queijo babado
é chic !!
jica

Menina de óculos disse...

Num vou mentir...eu num faço idéia de como é o procedimento com uma panela de pressão....rsrsrsrsrrsrss
Mas eu creio que vc tem futuro com ela...srsrsrsrs
Bjs Sil

Bella disse...

Eu tenho certeza de que uma panela de pressão ñ faz milagres. como amante de culinária que eu sou, acho que o principal ingrediente está na nossa vontade de fazer comida, na alegria de cozinhar e...enfim,é só a MINHA opinião...rsrs

PATERNITAS disse...

Bom, milagre eu não sei se faz, mas tem umas panelas de pressão antigas que fazem uns manjares divinos!

Divinal, por divinal, o importante é fazer comida, pois não há maravilha melhor que alimentar o próximo. Agora, se o trem nao presta, pode virar perfeitamente um vazinho para plantar pé de alguma coisa.