terça-feira, 4 de agosto de 2009

Que tal criarem o Google Psicologia também?


Semana passada morri de rir mais uma vez com o Feedjit...alguém de Lisboa, Portugal, chegou em meu blog colocando o seguinte no Google: "Como aturar um marido chato". Só que por aqui a pessoa não encontrou a tão esperada resposta para sua pergunta. A coitada foi parar num post sobre absorventes masculinos (!!!). Qual a relação entre uma coisa e outra? Sei lá, pergunte ao São Google qual a mirabolância que ele fez para chegar ali. Talvez ache que marido chato seja aquele absorvente, que fica no pé da esposa, vá saber...

Já que o São Google tem tantas opções: Google tradutor, Google Imagens, Google Mapas, Google Acadêmico e assim por diante, bem que ele poderia criar também o Google Psicologia ou Google Terapia de Casais. Assim resolveria questões como a colocada acima...

Só pra constar: não parei com minhas narrativas de viagem. Só estou dando um tempinho, pois essas gosto de escrever sempre colocando algumas fotos junto e ando com muita preguiça de selecioná-las. Assim que der na telha, volto com as peruanidades, ok.

Crédito da foto aqui.

2 comentários:

Daniel Savio disse...

Hua, kkk, ha, ha, fala sério, mas já via algo parecido, pois o dono de um site pessoal estranhou o aumento das visitações, mas quando foi ver, o nome do site dele tinha a tradução numa lingua europeia de sexo...

Coisas que acontecem...

Pensei que a tuas narrações sobre a tua viagem estavam acontecendo durante a própria viagem.

Fique com Deus, menina Sil.
Um abraço.

Índia disse...

Pobre mulher, nao conseguiu encontrar um metodo para aturar o marido chato. Quem sabe ele esta de TPM, ela da o absorvente masculino pra ele. rsrs

Beijosss