terça-feira, 1 de setembro de 2009

Imaginem o cerrado cheio de neve

Chega setembro. Em Brasília, ele vem este ano de uma maneira deliciosamente estranha: com os gramados da cidade já razoavelmente verdes em virtude de benfazejas chuvas temporãs ocorridas em agosto. Para quem não conhece o DF, explico: chover em agosto por aqui é algo raríssimo, fato que beirava o impossível. Com muita sorte, em alguns anos, a gente chegou a ver uns breves chuviscos, mas mesmo esses eram motivo para estranheza. A chuvona mesmo, pra valer, só costuma aparecer lá pelo final de setembro ou outubro, por aí....este ano, fomos premiados.

Já que choveu forte em agosto neste rincão, agora torço para que venha uma bela nevasca no próximo inverno. O cerrado todo branquinho ficaria muito bonito, não acham?

3 comentários:

Clébio disse...

Nevasca eu não diria mas uma chuva de granizo ou uma geada das brabas quem sabe. Tem tempo que não vejo granizo por aqui.

Abraço

Fabiana disse...

Seria bem estranho ver neve em pleno cerrado.... Mas não duvido de mais nada... Ainda mais com tantas reviravoltas climáticas

Daniel Savio disse...

Aff, acho que você está querendo de mais...

Hua, kkk, ha, ha, pior que é sério.

Fique com Deus, menina Sil.
Um abraço.